Thayo Álvaro, um artista da música roubado ao futebol grava “Factos de amor”

Taibo Afonso Álvaro de nome legal, chama-se nos espaços artísticos de Thayo Álvaro. Viu pela primeira vez o sol da natureza a 28 de Setembro de 1994 na central província da Zambézia, concretamente na cidade de Quelimane.

Thayo Álvaro nem sempre teve a música como uma paixão. Desde os seus 6 anos de idade começou uma carreira futebolística, seguindo a influencia do seu pai que fora um grande desportista. Chegou mesmo a representar o clube Primeiro de Maio que na altura encontrava-se a disputar a segunda divisão do Campeonato Nacional.

Foi durante a adolescência que Thayo Álvaro adquiriu gosto pela música e pela dança, com fortes influências de cantores como Lil Wayne, Bruno Mars, Chris Brown, Usher, Michael Jackson, Hernani da Silva, Duas Caras, Hermínio, Anselmo Ralph entre outros, a lista de influências inclui ainda alguns grupos de dança como os MozDance e Radical Pop.

Começou a sua aventura no estilo Hip-hop, que na época era o mais difundido para as camadas jovens. O estilo love song era mais característico nas suas letras e os seus amigos sempre deixaram claro que ele não era um real repper (repper verdadeiro), devido ao conteúdo delas. A sua primeira música foi gravada em 2009, que contou com a participação do grupo Radical, do qual mais tarde passou a fazer parte.

Thayo foi seguindo os seus dias de vida levando a música apenas como uma forma de diversão, perseguindo-lhe sempre o seu passado de futebolista que nem uma sombra.

Quando terminou o ensino médio em 2012, Thayo começou a pensar o que poderia de sério fazer. Entre futebol, estudos universitários e música, decidiu-se pelo futebol. É assim que ruma para sua cidade natal, Quelimane, ao encontro dos seus antigos colegas da bola, treinadores e adeptos. Tudo o que queria era levar uma carreira futebolística, ainda que não tenha feito saber isso aos pais que o queriam ver a continuar os estudos. Entrou assim para o futebol profissional.

Mas os pais lutaram contra seu desejo até convencerem-no de desistir do futebol para levar a sério os estudos. É assim que em 2014 começa um curso universitário.

No entanto, na universidade uniu o útil ao agradável. Afinal conheceu um amigo que o incentivou a explorar a sua voz. Depois desses dias foram aulas e mais aulas de canto para aperfeiçoar as técnicas de canto.

Se Thayo tinha uma confiança em si a praticar futebol, a cantar não tinha a mesma confiança. Ainda no espírito da dúvida decidiu começar a gravar e formou uma dupla, Double life, que não durou muito devido a controvérsias entre os dois integrantes. Com o tempo ganhou a confiança que precisava e decidi então se tornar profissional. O primeiro passo foi a criação de uma banda, Quarta Base para melhor conhecer a sua potencialidade vocal.

A dupla Thayo Álvaro e Angelson é recente, mas os dois artistas já há muito se conhecem, visto que em 2007 Thayo foi morar em Alto Molócuè (distrito da Zambézia) atendendo a mudança dos pais por questões de trabalho, onde conheceu o cantor Angelson que passados alguns anos após a mudança tiveram que compartilhar a mesma sala de aulas.

A música uniu assim Thayo e Angelson em um dueto em 2014. Cantam Kizomba. Neste momento estão a gravar uma EP de 5 músicas agenciados pela MIL STUDIO

 

About the author

Related

JOIN THE DISCUSSION


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/caracult/public_html/wp-includes/functions.php on line 4344