Inicio Agenda cultural Inaugura no dia 11 de abril, às 18h00 no Camões – Centro...

Inaugura no dia 11 de abril, às 18h00 no Camões – Centro Cultural Português em Maputo a exposição Moçambique – José Cabral

No dia 11 de abril, às 18h00, inaugura no Camões – Centro Cultural Português em Maputo a exposição Moçambique – José Cabral, uma apresentação antológica inédita do trabalho do fotógrafo moçambicano José Cabral que resulta de uma parceria entre o Camões – Centro Cultural Português em Maputo e a Associação Kulungwana.

Com curadoria de Filipe Branquinho e Alexandre Pomar, a exposição Moçambique- José Cabral reúne um conjunto alargado de fotografias, entre provas de autor e novas impressões, apresentadas em dois espaços da cidade: o Camões – Centro Cultural Português em Maputo e a Galeria da Associação Kulungwana, onde a segunda parte deste projeto inaugurará no dia 26 de abril.

A exposição é acompanhada do livro Moçambique – José Cabral, uma edição bilingue (português/inglês) da XYZ Books e da Associação Kulungwana, coordenada por Alexandre Pomar. O livro reúne mais de 100 fotografias de José Cabral e inclui textos do coordenador e de Drew Thompson (Estados Unidos da América).

Nas palavras de Alexandre Pomar, «José Cabral é o outro mestre da fotografia moçambicana, localizável entre a dinâmica coletiva interrompida e a nova geração. Um mestre original, irreverente, individualista, indisciplinado. Por vezes revoltado e irascível, o que as suas fotografias não deixam adivinhar, na serenidade dos seus itinerários e na ternura com que olha as pessoas, todas elas, nos seus inúmeros retratos. (…) Fotógrafo culto, informado pela literatura e o convívio literário, viajado, (…) Cabral tem um perfil de exceção e de rutura original e crítico.»

A exposição Moçambique – José Cabral conta com o apoio da Brand Lovers, Embaixada da Noruega, Embaixada da Tailândia, Fundação Calouste Gulbenkian, LOGOS, Nuno Lima e PWC.

Subscreva-se e acompanhe todas notícias sobre cultura National

Coloque o seu e-mail abaixo para receber as últimas actualizações e promoções do nosso website.

Mais Lida

FILME NKWAMA DE GIGLIOLA NO FESTIVAL CENA

Filme NKWAMA, de Gigliola Zacara fará parte da programação do CENA - Festival de Filmes Dirigidos por Mulheres, em Cabo Verde. No âmbito do mês...

Mbuta, Dança Tradicional Misteriosa Desaparecida

Desde os tempos mais idos dos nossos ancestrais que a dança era praticada nas zonas rurais da província de Inhambane. Só mulheres, anciâs e...

Vozes da Representação, Memórias do Teatro Moçambicano, Volume I

Benites Lucas José gosta e ama a arte de representar. Mas notou ausência de formas de memórias sobre seus fazedores, sobretudo na forma literária....

Resgate, Um Filme Para Ver e Rever!

O filme emerge a partir de duas linhas narrativas. A primeira é a que segue as peripécias de um jovem caminhando por picadas e...

Related News

FILME NKWAMA DE GIGLIOLA NO FESTIVAL CENA

Filme NKWAMA, de Gigliola Zacara fará parte da programação do CENA - Festival de Filmes Dirigidos por Mulheres, em Cabo Verde. No âmbito do mês...

Mbuta, Dança Tradicional Misteriosa Desaparecida

Desde os tempos mais idos dos nossos ancestrais que a dança era praticada nas zonas rurais da província de Inhambane. Só mulheres, anciâs e...

Vozes da Representação, Memórias do Teatro Moçambicano, Volume I

Benites Lucas José gosta e ama a arte de representar. Mas notou ausência de formas de memórias sobre seus fazedores, sobretudo na forma literária....

Resgate, Um Filme Para Ver e Rever!

O filme emerge a partir de duas linhas narrativas. A primeira é a que segue as peripécias de um jovem caminhando por picadas e...

O Tempo dos Leopardos

O Tempo dos Leopardos A independência nacional fez nascer uma rica história do cinema moçambicano. Um cinema que foi ao encontro do cidadão ate ao...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here