O Sucesso dos 10 Mandamentos não Supera O Tempo dos Leopardos

A produção brasileira Os 10 Mandamentos teve sua estreia em Moçambique no passado dia 14 de Novembro. Foram anunciados a venda de 55 mil bilhetes para as primeiras sessões em todo país, e prevê-se que a temporada dure 30 dias. Isto é de facto um sucesso. Mas se comparado com a produção da primeira longa metragem moçambicana fica muito atrás. Afinal, O tempo dos Leopardos foi a Terceira Maior Empresa de Moçambique em 1984! A revelação é de Camilo de Sousa, co-realizador do filme. A longa metragem só ficou atrás da fábrica de cervejas e da Socimo. O filme teve meses seguidos com lotações esgotadas pelas salas do pais inteiro, que eram cerca de 250. E pagou os devidos impostos ao estado. Pena é que essa experiência não serviu de exemplo a ser capitalizado, investindo no cinema como uma indústria geradora de riqueza para famílias e para o estado. Hoje o cinema moçambicano é um monstro adormecido com um potencial de indústria, que poderia contribuir para o combate a pobreza.

JOIN THE DISCUSSION