Ivan Mazuze Faz Amor Com Seu Saxofone

O cartaz anunciava Ivan Mazuze em espectáculo, com início marcado para as 20:30h no Teatro Avenida. A partir das 20h o público aglomerava-se na boca do teatro. As 20:32h abrem-se as portas e o público entra e acomoda-se na sala. 21:59h ouvem-se os primeiros sopros de um saxofone. Era o diafragma de Ivan Mazuze anunciando o início do show que duraria 1:48″. As primeiras palmas ouvem-se 5 minutos depois. De seguida Ivan Mazuze cumprimenta a plateia. Diz ser especial tocar naquele palco porque foi o primeiro sítio onde tocou na vida quando ainda aluno da escola nacional de música, em 1987. E agradeceu aos irmãos e pais que estiveram nessa ocasião para lhe dar uma força e que por felicidade também estavam naquele momento. E mais músicas vieram dos sopros, dedilhadas e pancadas nas baterias e batuques de Ivan e uma banda sul africana. As músicas eram calmas mas intensas e emocionantes. Ivan Mazuze acompanhava seus sopros com oscilações do seu corpo, iniciando-os ora pelos joelhos para cima e para baixo, ora pela coluna tendendo sempre para a direita com suavidade. As 22:42h o público estava de pé deliciando-se com a anunciada última música. Quando tudo terminou um espectador gritou em xangana que naquela noite iria dormir tranquilo. E todos se foram felizes.

Ivan Mazuze02

JOIN THE DISCUSSION