Batalha frente a frente entre The Northern light e as Marias no centro cultural Americano

“Moçambique! Eu canto no canto do canto do meu canteiro cantando a canção cantada pelo cantor que canta.”

A música, é a expressão da alma tentando alcançar outros tipos de emoções. É o sentimento que desperta a memória dos factos vividos, é paixão e acima de tudo é identidade.

O Centro Cultural Americano acolheu o grupo musical americano composto por três mulheres “Natália, Mona e Jessica” que estão a fazer workshops em países africanos, trazendo a sua identidade para este canto do mundo. Este grupo, canta músicas folclóricas americanas.

No âmbito do intercâmbio cultural, decidiu partilhar os seus conhecimentos com diversos países africanos. Tendo como convidados em Moçambique “As Marias”, grupo Moçambicano da Universidade Eduardo Mondlane composto por mulheres.

Criaram um espectáculo onde tiveram desafios passivos. O espectáculo teve vários temas e vibrou o público, que, no final saiu a comentar sobre o potencial das mulheres no mundo da música. Os artistas Acharam óptimo essa iniciativa de intercâmbio só feminino.

JOIN THE DISCUSSION